Reciclagem de Efluentes Industriais e Chorume
Solução de Tratamento de Efluentes Sanitários e Caixa de Gordura
Matéria Orgânica Transforma

Normas para utilização e manutenção de fossas e caixas de gordura

Publicado em 14-01-2016 10:16

Engana-se quem pensa que, por serem conhecidos como efluentes domésticos, os rejeitos acumulados em fossas sépticas e caixas de gordura são exclusividades de residências e menos prejudiciais ao meio ambiente e à saúde das pessoas. Eles são altamente poluidores e, mesmo tendo essa denominação, sua geração não está restrita a residências: a maior geração é decorrente de empresas e comércios.

Leia mais

Tópicos: fossa septica, caixa de gordura

Como fazer a gestão dos resíduos orgânicos produzidos em condomínios

Publicado em 27-08-2015 17:00

Os resíduos serão sempre uma preocupação às empresas e população em geral, contudo, é uma vertente que deve ser ponderada também na gestão de um condomínio. Ao nível da coleta seletiva, existem grandes progressos nesta área, onde cada vez se recicla mais, por isso é importante que você conheça práticas não só para estes resíduos segregáveis, mas também para resíduos que devem ser destinados para tratamento como são os casos de efluentes provenientes de fossas, caixas de gorduras e resíduos sólidos orgânicos.

 

Leia mais

Tópicos: resíduos sólidos, Gestão de Resíduos, compostagem de resíduos, fossa septica

A importância da limpeza periódica da fossa séptica e caixa de gordura

Publicado em 13-06-2013 7:46

Além dos diversos tipos de efluentes industriais, lodo líquido de ETE e chorume classe II provenientes de aterros sanitários, os efluentes acumulados em fossa séptica, sumidouro e caixa de gordura, mais conhecidos como efluentes domésticos, também precisam ser tratados antes de serem descartados no meio ambiente.

Algumas empresas têm dúvidas sobre esses tipos de efluentes e o que devem fazer para a limpeza e destinação para tratamento, com isso decidimos criar esse artigo para esclarecê-las:

Leia mais

Tópicos: efluente doméstico, fossa septica, caixa de gordura, esgoto sanitário

Tratamento de efluentes de fossa séptica, caixa de gordura e efluente sanitário

Publicado em 10-04-2013 7:12

Além dos efluentes industriais resultantes de processos como lavagem de máquinas e equipamentos, limpeza de containers, tanques e pátios, fabricação de embalagens, lodo líquido de ETE, chorume classe II provenientes de aterros sanitários entre muitos outros, os efluentes mais comuns como os acumulados em fossa séptica, caixa de gordura e efluente sanitário também precisam ser tratados antes de serem descartados no meio ambiente.
 

Como possuem características distintas, não podem ser misturados quando retirados após a realização da limpeza, pois possuem diferentes cargas orgânicas. Muitos clientes tem dúvidas sobre esses tipos de efluentes e quais são suas diferenças, com isso decidimos criar esse artigo para esclarecê-las: 

 

Fossa Séptica / Sumidouro


A fossa séptica é uma unidade de tratamento primário que realiza a separação da matéria sólida contida no esgoto, enquanto o sumidouro é um poço com abertura inferior que permite a infiltração do efluente (pré tratado pela fossa ou não) no solo. Tratam-se de formas simples e baratas de disposição dos esgotos domésticos, geralmente usadas nas zonas rurais ou em áreas isoladas, onde não existe rede pública de coleta de esgoto. Seus efluentes são pastosos e resultam do acúmulo de dejetos biológicos de esgoto comum de sanitários. A fossa séptica e os sumidouros devem ser limpos periodicamente para evitar transbordamentos, eliminar mau cheiro e o aparecimento de vetores.

 

Leia mais

Tópicos: tratamento de esgoto, fossa septica, caixa de gordura, efluente sanitario, tratamento de efluentes

Deixe seu comentário

 

Receba nossos artigos

Busca Por Artigos

biblioteca-digital-tera-ambiental
New call-to-action
Descomplicando o tratamento de efluentes

Siga Nossas Páginas Nas Redes Sociais

Últimos Artigos

Artigos mais acessados