Reciclagem de Efluentes Industriais e Chorume
Solução de Tratamento de Efluentes Sanitários e Caixa de Gordura
Matéria Orgânica Transforma

O setor de cosméticos e seus efluentes

Publicado em 13-08-2013 8:00

O setor de cosméticos e seus efluentes
Em visita a um grande cliente do segmento de cosméticos discutimos algumas questões relacionadas aos efluentes gerados na empresa e a destinação apropriada dos mesmos, o gerente da área de meio ambiente demonstrou grande interesse no assunto e nos disse: “Fabricamos produtos que trazem bem estar as pessoas, por que não devemos também pensar da mesma maneira sobre os efluentes gerados na empresa?”

 

Ficamos de certa forma surpresos com a declaração, mesmo com o aumento da preocupação que estamos percebendo com experiências em outros clientes, pois estávamos na frente de  um profissional realmente interessado em influenciar positivamente a cultura organizacional de sua empresa. Coincidentemente publicamos algumas semanas atrás o texto “resíduos não são problema, mas parte do processo”, onde abordamos o mesmo tema a partir de outra perspectiva.

 

Uma empresa que possui a política ambiental estabelecida e com funcionários dispostos a praticá-la, dificilmente terá problemas ambientais relacionados a destinação de seus resíduos. É desse engajamento que todos nós precisamos!

 

Investimentos em tratamento de resíduos com a disponibilização de recursos e incentivos para capacitação de funcionários, bem como a disseminação interna do tema devem ser algumas das preocupações de diretores e gerentes de empresas que buscam a melhor maneira de produzir sem agressão ao meio ambiente.

 

Como profissional da área ambiental  e consultora da Tera Ambiental, é uma satisfação encontrar empresas como esta no mercado, conscientes na destinação de seus resíduos e como consumidora, valorizar os produtos produzidos pela empresa.

 

O setor de cosméticos no Brasil

O setor de cosméticos no Brasil representa o terceiro maior mercado de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e do Japão. Em 2012, o país movimentou US$42 bilhões em gastos no setor, um crescimento de 19% sobre o ano anterior. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos, existem, no Brasil, 2.342 empresas atuando nesse mercado (1454 só na região Sudeste), segundo blog Caro Dinheiro de Samy Dana para o jornal Folha de São Paulo.

 

Empresas desse setor produzem grande quantidade de efluentes consequentes do processo de fabricação. Para atender essa demanda, a Tera Ambiental oferece o recebimento, tratamento e disposição final de efluentes, aproveitando o lodo gerado na compostagem para a fabricação do fertilizante orgânico Sanefértil.

Indústrias de Cosméticos

Por Fabiane Fujimori, Consultora Tera Ambiental

Tópicos: efluente industrial, Efluentes cosméticos

Deixe seu comentário

 

Receba nossos artigos

Busca Por Artigos

biblioteca-digital-tera-ambiental
New call-to-action
New call-to-action
Descomplicando o tratamento de efluentes

Siga Nossas Páginas Nas Redes Sociais

Últimos Artigos

Artigos mais acessados