Reciclagem de Efluentes Industriais e Chorume
Solução de Tratamento de Efluentes Sanitários e Caixa de Gordura
Matéria Orgânica Transforma

Você sabe que tipo de resíduos sua empresa produz e como encaminhá-los para tratamento?

Publicado em 19-04-2018 16:56

Assim como cada processo industrial é diferente, também são diferentes os resíduos gerados por eles e, consequentemente, o tipo de tratamento específico para que possa ser encaminhado adequadamente para sua destinação final. Ter conhecimento sobre a natureza do resíduo ou efluente é indispensável, pois o tratamento errado pode além de ocasionar o lançamento de poluentes no meio ambiente, levar a empresa geradora a ser penalizada pelo governo, o que gera perdas financeiras e até mesmo ações criminais.

Por isso, abordaremos os três tipos de resíduos mais comuns: alimentos, bebidas e cosméticos. Confira: 

Alimentos

 resíduos industria alimentícia

  • Resíduos: tipicamente materiais orgânicos como restos de alimentos, bagaços e cascas de vegetais, carcaças não usadas de animais, fluidos orgânicos, produtos fora de especificação, etc.
  • Efluentes: esgotos, água de lavagem de abatedouros, efluentes biodegradáveis e sabões, líquidos de caixa de gordura industrial e restaurantes etc.
  • Tratamento: os efluentes podem ser tratados com agentes biológicos para degradação da matéria orgânica, a reação e separação da água pronta para o despejo seguro. Já os resíduos sólidos são tratados por meio da compostagem, originando material para a criação de adubos orgânicos.

Bebidas

resíduos industria de bebidas

  • Resíduos: matéria orgânica como bagaços, sementes e cascas resultantes de processos de extração de polpa, sumos e processos de fermentação e destilação;
  • Efluentes: líquidos com alta carga orgânica (podendo conter agentes inibidores do desenvolvimento de bactérias usadas no tratamento do efluente), bebidas fora da validade ou especificação, água de lavagem de máquinas ou vasilhames, gorduras e lactose proveniente da indústria de laticínios, leveduras e similares oriundas da produção de cerveja etc.
  • Tratamento: depende muito do tipo de efluente que é gerado, mas geralmente envolve processo de degradação aeróbia e anaeróbia e aeração.

Cosméticos

resíduos industria de cosméticos

  • Resíduos: óleos e graxas, sulfetos, fosfatos, amoníacos, além do despejo de produtos como cremes, sabões e pomadas fora das especificações ou data de validade;
  • Efluentes: água usada no processo produtivo, rica em óleos, além de água para limpeza e resfriamento de maquinário;
  • Tratamento: novamente, o tratamento é dependente do tipo de matéria, mas envolve a neutralização de elementos químicos poluentes e separação de gorduras e óleos por processo de filtragem e tanque de areia.

Em todos os casos, é fundamental ter certeza da composição daquilo que se está querendo tratar.  Por isso sua empresa precisa contar com um parceiro que tenha os serviços de um laboratório certificado e credenciado, que possa oferecer laudos precisos e corretos, que indicarão o tipo de material a ser processado e, a partir disso, direcionar o tratamento. Com isso sua empresa sabe que estará dando a destinação correta e adequada a seus resíduos, agindo de forma responsável e evitando penalizações governamentais.

 

Indústrias de Bebidas

Tópicos: estação de tratamento, Resíduos Biodegradáveis

Receba nossos artigos

Busca Por Artigos

biblioteca-digital-tera-ambiental

Siga Nossas Páginas Nas Redes Sociais

Últimos Artigos

Artigos mais acessados